Situações de enchentes e alagamentos foram tema de vereadores na Câmara

Um dos principais temas de debates na reunião plenária desta quarta-feira (21) na Câmara Municipal de Contagem foram os alagamentos recorrentes em diversas regiões de Contagem durante o período chuvoso. Os vereadores Jair Tropical (PCdoB), Alex Chiodi (SD) e Daniel do Irineu (PP) pediram intervenções à Prefeitura de Contagem para coibir os problemas gerados pelas chuvas.

Jair foi o primeiro a falar do assunto ao destacar um requerimento solicitando a ampliação da rede de drenagem pluvial das ruas Canário e Pavão, do bairro Beija Flor. “Pedi destaque porque na última sexta-feira (16) choveu bastante na cidade e, infelizmente, houve alagamentos em várias casas do bairro. Recebi vídeos de moradores pedindo uma solução e, como vereador, venho cobrar da Prefeitura de Contagem e da Secretaria de Obras, para que aquelas famílias não tenham essas grandes dificuldades, pois pequenas intervenções podem fazer a diferença”, explicou.

Em aparte, Alex Chiodi ressaltou que, há algumas semanas, apresentou requerimento similar. “A última chuva de 20 dias atrás alagou algumas casas do Beija Flor e, na época, apresentei um ofício com o mesmo teor, pedindo também a limpeza do córrego. Nesse feriado, voltamos a ter as ocorrências, estive lá no sábado e vi o quanto é triste um bairro carente e com tantas dificuldades passar por esse tipo de problema por falta de ação do poder público. Não podemos permitir que os moradores percam tudo que têm, por inoperância”, destacou o vereador.

Chiodi acrescentou que o problema não é recente, mas se intensificou após a pavimentação de algumas ruas da região. “As ruas do bairro Tropical eram calçadas e tinham maior infiltração da água. Porém, quando se fez o asfaltamento dessas ruas, que é necessário, não se fez uma captação de água maior, que está descendo para o Beija Flor e causando transtornos. Temos, no entroncamento da Rua Dezoito com a rua Tucano, uma quantidade absurda de água, que chegou a mais de um metro de altura nas casas, e ainda há a marginal da Via Expressa com muita água”, explicou.

O vereador acrescentou que membros da Secretaria de Obras e Serviços Urbanos se comprometeram a realizar uma visita ao bairro ainda nesta semana para avaliar as condições, possíveis intervenções e acabar com o problema dos alagamentos.

Outros bairros

No Grande Expediente, o vereador Daniel do Irineu apresentou vídeos de moradores de três bairros que sofreram com os alagamentos nos últimos dias. “São cerca de 28 pontos de alagamentos na cidade, e cabe a esta Casa alertar e buscar soluções para os problemas, para que não ocorra uma tragédia”, disse o parlamentar, pontuando dificuldades no bairro Estâncias Imperiais, no Beija Flor e no Petrolândia

Em relação ao primeiro bairro, ele destacou que a maioria das vias é de terra, mas que, “após a pavimentação de sete ruas, começaram os alagamentos, que deixaram o bairro intransitável, atrapalhando inclusive o transporte público, por causa do grande volume de chuvas e da falta da rede pluvial”. No Beija Flor, ele ressaltou que muitos moradores perderam seus móveis e eletrodomésticos por causa da água que invadiu as casas. O parlamentar falou também de problemas recorrentes na rua Alcatrão, no Petrolândia, onde “os moradores ficam ilhados, pelo grande volume de água”.

“No caso da rua Alcatrão, há uma falta de compromisso do poder Executivo, pois estivemos in loco, no início deste mandato, com a Secretaria de Obras, que se comprometeu a resolver o problema ainda no ano passado, e nada foi feito”, reclamou Daniel. “Até quando a cidade vai continuar sendo alagada, as famílias continuarão perdendo seus bens, para que sejam resolvidos esses problemas? Quantas vidas serão perdidas até que isso seja sanado e tire o sofrimento dessas famílias?”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *