Vereador Dr. Rubens Campos destaca o Mês da Consciência Negra

Foto divulgação

Durante a sessão plenária da Câmara Municipal na última terça-feira, dia 5, marcada pela celebração do início do mês da Consciência Negra, o presidente do Conselho Municipal de Promoção de Igualdade Racial de Contagem, João Carlos Pio de Souza, fez importante discurso em defesa de políticas pública e ações concretas em defesa da população negra, que representa 56% dos contagenses, segundo dados do IBGE (ver matéria na Pagina 3).
O vereador Dr. Rubens Campos, ao apartear João Carlos, colocou-se à disposição do conselho na defesa de todas as pautas que garantam a segurança e o respeito à população negra. O parlamentar salientou que estudos demonstram que os negros são os que mais morrem e as maiores vítimas de violência no país. Da mesma forma, no mercado de trabalho “as mulheres negras tem inserção infinitamente menor” se comparado às mulheres branca.
Ainda de acordo com o Dr. Rubens, a Câmara Municipal tem que se “solidarizar” de forma “decidida” à pauta e à luta da população negra. “O dia de comemorar a Consciência Negra não é só no dia 20, mas em todos os 365 dias do ano. Durante todos esses dias temos que estar juntos, lutando” destacou o vereador.

Novembro Azul
O mês de novembro também marca o combate ao câncer de próstata, conhecido como novembro azul. De acordo com o vereador Dr. Rubens Campos, médico com mais de 40 anos de atuação em Contagem, a incidência deste tipo de câncer é maior nos negros se comparado à população branca.
Segundo o parlamentar, as doenças mentais e todas as outras também são mais frequentes na população negra. “Os acidentes vasculares cerebrais têm como principal causa a pressão arterial (PA). E a PA incide mais em pessoas submetidas a privações e estresse, como ocorre com os negros e negras”, salientou Dr. Rubens Campos.
Por fim, o vereador reafirmou seu compromisso em defesa da população negra. “Não pode ter discriminação ou preconceito. Nós somos um só povo”, reiterou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *