Evento inédito busca formas para desenvolver o turismo em Contagem

Workshop debateu temas como a potencialização de eventos e gastronomia – Fotos  Geraldo Tadeu

O turismo em Minas Gerais é um laço entre a cultura, religião, arte, natureza e uma culinária que dá o que falar. Contagem nunca foi pensada como um local que atrai turistas. Mas por que não falar pela primeira vez e tentar buscar formas para que a cidade entre no roteiro turístico das pessoas?

Pensando nisso, a Prefeitura de Contagem, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, a Faculdade Una/Contagem e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) promoveram, na tarde dessa terça-feira (11), o 1º Workshop Turismo em Contagem – Desafios e Oportunidades. O evento, inédito na cidade, foi realizado no Campus Una e reuniu importantes profissionais do setor de turismo e representantes de hotéis, bares, restaurantes, jornalistas e produtores de eventos.

Mônica Avelar do Sebrae foi a mediadora do evento que contou com apresentações do diretor do hotel Actual, Jair Aguiar Neto, abordando o tema “Potencialização de Eventos”, do diretor da Vert Hotéis, Acácio Pinto, que falou sobre “Pensar fora da caixa em gestão do turismo”, do coordenador do curso de gastronomia da faculdade Una, Edson Puiati, com “Turismo Gastronômico” e do chef de cozinha internacional, Eduardo Avelar que fechou as apresentações com “Desafios e potencialidades do turismo em Contagem”.

O secretário adjunto de Estado de Turismo, Gustavo Arrais, participou do workshop e destacou que localizar Contagem como produto é a principal tarefa a ser feita. “A partir deste workshop deve-se gerar um plano com diretrizes, metas e ações, começar a trabalhar o posicionamento de Contagem como produto e decidir o que a cidade pode oferecer para garantir mercado, competitividade e preço”, afirmou.

Para o presidente do Centro Industrial de Contagem (Cinco) e organizador do workshop, Adimilson Moura, esse evento foi o plantio de uma semente de um setor extremamente importante para qualquer cidade. “Para Contagem esse workshop tem um apelo maior por ser um assunto nunca discutido e conseguimos trazer personalidades de extrema importância para Minas Gerais na área de gastronomia e hoteleira. Pensar a Contagem do futuro requer necessariamente embalar melhor a nossa cidade, desenvolvermos as cadeias produtivas do turismo e a partir daí conseguirmos vender Contagem como um produto atrativo. Temos agora que fazer um trabalho muito bem elaborado, com a contribuição de todos e com ações efetivas para o município”, salientou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *