Cruzeiro se classificou para as quartas de final da Copa do Brasil empatando com Atlético-PR

O Cruzeiro garantiu a vaga nas quartas de final da Copa do Brasil de 2018. Depois de vencer o Atlético-PR na primeira partida das oitavas por 2 a 1, na Arena da Baixada, em Curitiba-PR, a Raposa empatou com a equipe paranaense em 1 a 1, em jogo realizado na noite desta segunda-feira, no Mineirão.

O gol estrelado foi marcado por De Arrascaeta aos 40 minutos do segundo tempo, enquanto que Bergson deixou tudo igual seis minutos depois. O clube celeste agora encara o Santos na próxima fase do torneio nacional, com o primeiro encontro marcado para o próximo dia 1º de agosto, às 19h30, na Vila Belmiro, em Santos-SP.

Mais uma vez a Nação Azul foi destaque. Na partida de número 150 do Cruzeiro pela Copa do Brasil na história, a Raposa registrou um público de 44.443 cruzeirenses.

O jogo

Em uma partida bastante truncada, Cruzeiro e Atlético-PR iniciaram o confronto com bastante movimentação no meio de campo e com poucas chances de gol. Aos 18 minutos da primeira etapa, Rafael Sóbis tentou cabeceio após escanteio cobrado por De Arrascaeta, mas não conseguiu concluir.

Quando eram decorridos 29 minutos, o esquadrão azul chegou com perigo. Após o avanço de Egídio pela esquerda, De Arrascaeta recebeu o passe do lateral e bateu em direção ao gol, mas a bola resvalou no defensor e voltou no próprio meia celeste, saindo na linha de fundo. Já aos 43, Rafael Sóbis soltou uma bomba de fora da área, mas o goleiro Santos colocou para escanteio.

No segundo tempo, o jogo novamente começou equilibrado, mas logo o Cruzeiro dominou o campo. Aos 27 minutos, Edilson arriscou de fora da área no rumo do gol adversário. No entanto, mais uma vez o arqueiro Santos espalmou para a linha de fundo. Após o escanteio, De Arrascaeta cruzou para Henrique, que cabeceou, mas encontrou a barreira do time oponente.

Aos 40 minutos, o camisa 10 cinco estrelas abriu o marcador para o Cruzeiro. De Arrascaeta recebeu passe de Robinho, ganhou dos zagueiros na dividida e chutou para o fundo do gol. Seis minutos depois, Bergson empatou a partida: 1×1.

De volta ao time azul após disputar a Copa do Mundo pelo Uruguai, De Arrascaeta celebrou o bom retorno e o gol, além de comentar sobre o papel dos cruzeirenses. “Sem dúvida que era um jogo importante para nós, mas estávamos confiantes que iríamos passar. E mais uma vez a torcida fez grande diferença”, citou.

Antes do início do duelo, o meia Rafinha recebeu uma placa das mãos do presidente Wagner Pires de Sá em comemoração pelos 100 jogos com a camisa cinco estrelas. O atleta atingiu a marca no primeiro amistoso contra o Corinthians durante a intertemporada, realizado no último dia 4 de julho.

No intervalo, o atacante Barcos, novo reforço do Cruzeiro, pisou no gramado do Mineirão pela primeira vez com o manto estrelado para cumprimentar a nação. O “pirata” também tirou fotos com Sócios do Futebol.

Ao fim do compromisso, o técnico Mano Menezes falou sobre o jogo e destacou a importância da classificação para a Raposa. Assim como De Arrascaeta, o comandante cinco estrelas enalteceu a força da Nação Azul nessa e nas demais partidas.

“O Cruzeiro fez um bom jogo. Era um jogo perigoso, não somente pelo adversário, mas pelas circunstâncias da partida. Ninguém imaginaria como o Atlético-PR iria voltar (após a Copa do Mundo). Fizemos um jogo equilibrado, mas consciente. Fomos apertando até conseguir o gol”, disse.

“Precisamos da ajuda, do empurrão do nosso torcedor. A torcida do Cruzeiro sabe da importância que ela tem para a nossa equipe. Com essa classificação, vamos ficando mais fortes, vamos alcançando novos degraus”, concluiu.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *